InícioInício  PortalPortal  CalendárioCalendário  GaleriaGaleria  FAQFAQ  BuscarBuscar  GruposGrupos  MembrosMembros  Registrar-seRegistrar-se  Conectar-se  

Compartilhe | 
 

 Amor inesperado

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
katiazmjj
Nova DS


Número de Mensagens : 1
Idade : 45
Cacoal/RO : curitiba/Pr
Data de inscrição : 28/07/2010

MensagemAssunto: Amor inesperado   Qua Jul 28, 2010 12:00 pm

Chegando à Mansão de Johnny deep - 1ª parte
Clara acabara de chegar àquela mansão. Los Angeles tinha lhe reservado boas surpresas até ali. Em seus recém completados 25 anos, estava ciente dos inúmeros desafios que teria pela frente.Mas feliz pela oportunidade . Trabalharia para um milionário excêntrico, extremante exigente, um astro de Hoolywood. Amado e aclamado por milhões de pessoas em todo o mundo ,alem disso circularia em uma atmosfera povoada por celebridades .fotógrafos ,modelos,músicos etc. Um mundo glamoroso e estranho para ela até ali .Mal podia crer que passará no teste de seleção para fazer parte da equipe da criadagem do Johnny Deep a lenda viva do cinema. Ela sabia que dependia desse emprego para poder se estabilizar financeiramente num pais estranho; desde que seus pais morreram, ela se viu sozinha longe de sua terra natal (Brasil) .
Foi recepcionada por uma governanta chamada Grace ,muito autocrática fria e direta que não tardou em descrever tudo que se podia ou não fazer naquela casa .Deixou bem claro que na escala hierárquica Lara estava comparada com o pó da escrivaninha e que qualquer deslize seu, a rua não tardaria chegar.
(Grace):_Agora você estará trabalhando para um ícone mundial, portanto deverá comportar-se como se espera, sempre com muita polidez, subserviência e discrição. Ao julgar pelo tamanho de tudo aqui, será muito improvável encontrá-lo. Mas se isso acaso acontecer jamais se pronuncie a ele antes de ser solicitada, jamais olhe nos olhos dele, basta uma pequena reverência de cumprimento para que o sr Deep não se sinta de forma alguma invadido.Entendeu?
(Lara):_Perfeitamente sra.Alguma coisa no seu intimo lhe dizia que a convivência com aquela mulher ,não seria fácil .Os seguranças e motoristas já lhe haviam adiantado que Grace adquirirá muito poder dentro da casa dede que o ator tinha se separado.
Depois de ser apresentada ao seu quarto; conheceu também a tão esperada ala 5 ou seja o ultimo pavimento da mansão o qual ela seria responsável .Grace mais tarde também lhe passaria as instruções de como eram os procedimentos com os filhos do rmilionário,mais uma lista de regras.

Encontro com Deep - 2ª parte

Naquela noite seria uma prova de fogo para Lara. Toda a equipe artística de Deep estaria lá, diretores, produtores, músicos, representantes de patrocinadores, publicitários; discutindo as diretrizes dos próximas trabalhos. Lara não poderia fracassar nada poderia sair errado, ela tremia; afinal nunca tinha feito isso antes, pelo menos não para pessoas tão ilustres assim. Mil perguntas rondavam Lara. Se ela fizesse algo errado? E o Sr Deep?Finalmente ela iria vê-lo?Seria ele esquisito como descreviam nos jornais?E se ela se atrapalhasse ao servir?E se esquece alguma das inúmeras regras? Grace não a perdoaria. Precisava se sair bem naquela noite, ela tinha conhecimento da antipatia que Grace nutria por ela e que qualquer falha por menor que fosse poderia ser decisiva para sua permanência ali.
(Grace)-Todos a postos?Perguntou a equipe toda; que ia de garçons a manobristas que nessa altura, já estavam devidamente uniformizados e apostos diante dela; faltavam apenas 1 hora para que os convidados começassem a chegar e o nervosismo tomava conta de Lara.
(Grace)_Não façam nenhuma besteira!! Muito cuidado, muita atenção em tudo! Agora seu olhar gélido se dirigia a Lara num tom de advertência.
(Grace)_ Vá até jardim e verifique e se as mesas estão postas como esperado, Ao retornar tenho mais instruções.
Lara saiu da sala atravessou Hall e se aproximou das mesas junto à piscina. Respirou fundo olhou rapidamente em volta e tudo lhe parecia em perfeita ordem então, virou-se abruptamente, esbarrando numa pessoa q estava atrás dela, o nervosismo não a deixou identificar imediatamente, só percebeu que o cavalheiro virou o copo de vinho que segurava nas mãos manchando-lhe a roupa, enquanto a taça se findou estilhaçada no chão.
Estava perdida agora! Pensou: Grace não a perdoaria seria demitida sem sombra de dúvidas.Num gesto rápido tenta secar o cavalheiro continuando a ignorar de quem se trata. Ajoelha-se para apanhar os cacos!E desanda a falar num tom mais de desabafo do que propriamente de pesar.
(Lara) _Desculpe-me, por favor, disse Lara sem olhar para o rosto do homem em sua frente e continuou:
(Lara) _Eu sou realmente muito desastrada. O Sr tem toda a razão de se zangar comigo é a primeira vez que faço isso. Estou muito nervosa. Não poderia ter esbarrado no senhor e agora? Como vou explicar isso?
Deep estava trajando uma camisa branca,de um tecido fino .(agora manchada na altura do peito) cujos primeiros botões estavam desabotoados. Uma calça de estilo Black tie em preto e uma gravata da mesma cor ainda sem laço apenas em volta do pescoço!Seu cabelo estava preso.E cavanhaque impecável.
Gentilmente se abaixou junto à moça a fim de ajudá-la com os cacos e tentar acalmá-la:
(Mike)-Por favor, acalme-se ! Que é isso? Foi apenas um acidente, alem do mais a culpa foi toda minha Afinal de contas fui eu que fiquei atrás de você. E a respeito de se ficar nervoso em estréias; a isso é perfeitamente compreensivo; pode crer no que eu digo, sei bem como é isso. Sempre fico assim nas minhas. Terminou a frase com um belo sorriso.
Quando Lara finalmente levantou seu rosto e encarou quem estava em sua frente. Olhos se encontraram. O tempo se tornou mais lento naquele instante, e o semblante de ambos se desfizeram, algo estranho e extraordinário acontecera naquele instante, Deep sempre tão tímido e introspectivo com desconhecidos evitava abordagens diretas assim, contudo naquele momento,sim naquela fração de minutos se viu completamente sem pudor ao fitar aquele rosto; teve a sensação que poderia ficar ali mirando cada detalhe daqueles traços por horas. Em contrapartida Lara mal podia acreditar estar tão próxima dele.Johnny Deep estava ali em sua frente a poucos centímetros segurando em sua mão para auxiliá-la naquela situação tão inusitada e constrangedora, porem isso não lhe pareceu importante ,estava perdida nos olhos dele, olhos castanhos profundos.Deep pegou em sua mão para que ela pudesse se levantar,Porem ainda presos naquela troca de olhar. Nesse momento a voz de Grace soou firme vindo do interior da mansão a procura de Lara interrompendo aquele momento mágico. Num reflexo, Lara correu em direção à cozinha. Deep permaneceu ali imóvel assistindo aquela garota se perder em uma das inúmeras portas de sua casa. Grace preocupadíssima e vendo o patrão sujo de vinho ,com cacos nas mãos; prontamente correu para socorrê-lo e este muito educadamente disse-lhe que se distraíra e deixara cair à taça no chão.
(Grace)-Ora, Sr Deep temos mais de 150 funcionários porque não chamou algum para resolver isso? Imagina o Sr apanhando cacos de uma taça quebrada?Tenho certeza que havia uma das novas criadas aqui! Eu mesma a orientei que se dirigisse pra cá ela deveria estar aqui agora e ter resolvido isso para o senhor.
(Mike)_A!! Sim ,ela estava ,mas pedi que se afastasse.Queria ficar só .
Deep na verdade nem sabia o porquê acabará de mentir, ele não gostava disso; na verdade nem precisava disso, porém um certo senso de proteção pra com aquela criada tinha se desenvolvido nele; Sabia como Grace era implacável aos seus comandados se saísse algo fora do planejado.
Após alguns minutos ele ja não ouvia mais sua governanta falar. Seus pensamentos estavam naquela garota. Mas logo seu produtor veio em seu encontro falando das idéias de marketing para o Novo filme..
Grace não quis arriscar em por uma novata na linha de frente da recepção e a escalou Lara para auxiliar na cozinha o que na verdade foi um alivio para ambas. Em meio às conversas da criadagem. Lara não conseguia esquecer o que havia acontecido. E aquela musica que vinha da sala de jantar a arremetia a cena do jardim “one more Chance” aqueles olhos eram incríveis. Pensou.
Sentado na cabeceira da mesa para 120 pessoas; em volta a talheres de prata e bebidas importadas com safras raras. O famoso anfitrião assistia a sua equipe discutir estratégias, que iam desde compositores, músicas a que tipo de tecido tal atriz vestiria em tal cena .Deep normalmente tão atencioso aos detalhes de tudo por ser tão perfeccionista desta vez estava disperso, alheio as conversas. A sua atenção estava direcionada a cada movimento de um novo criado que entrava no recinto, muitos perceberam que ele agia como se procurasse alguém.

Mais tarde naquela mesma noite, Deep com a velha e conhecida insônia observa a cidade adormecida pela sua janela porem dessa vez uma pequena lembrança de um rápido momento lhe vem a mente.Desvia seu olhar pra baixo e suspira.Tira a camisa e caminha pela suíte.senta em uma poltrona e os pensamentos voltam .
Fala pra si mesmo:
-Que bela garota!

º Encontro.3ª parte

Na sacada de seu quarto Deep observa atento a fuzarca de seus filhos no jardim.Pensa em se juntar a eles mais tarde.Enquanto isso secretários e assessores descrevem sua agenda , as ultimas notícias da mídia etc. .Nesse momento ele enxerga,Lara passando rapidamente pelas crianças a observa fazendo carinho em Jackie seu folho, muito sorridente.Ele num impulso , sai rapidamente de onde esta; deixando todos aturdidos. Logo aquela legião de pessoas estava a segui-lo como de costume, exagerando em zelos e mimos tentando oferecer ajuda sem mesmo saber o q ele queria; O astro então teve uma idéia para se livrar daquela turma, Inteligentemente ao passar por uma das portas, a tranca, deixando todos do outro lado da porta.Com um sorriso maroto se dirige rapidamente, ala 5.
Lara esta de costas olhando foto dele em uma porta retrato. Ela observou que ali, o seu patrão parecia muito bem, seus olhos não mudara dede aquele tempo, um sorriso cínico. Lara não conseguiu evitar o impulso de passar a mão naquela imagem, depois aproximou a foto em seus lábios e a beijou com muita delicadeza. Deep assistiu aquela cena, e achou graça daquele gesto tão terno,Mas também pode avaliar com mais atenção as formas e proporções bem feitas do corpo daquela jovem.Se sentiu encantado,por ela.Que tentação ara aquela de tomá-la nos braços?
Então deu uma tossidela para se fazer presente. Lara assustou-se, se virou e La se foi um porta retrato de cristal. Dessa vez nenhum dos dois abaixou para apanhar os cacos, ficaram imóveis.
(Deep):- Olha menina, acho que se continuar assim, vai me levar a falência! Sorriu de uma forma condescendente.
Constrangida, Lara abaixou a cabeça, então seus cabelos caíram em seus olhos.
Deep não pode conter o impulso e os ajeitou delicadamente atrás da orelha de Lara, suas mãos roçaram então o rosto dela .Deep pensou .O que estaria acontecendo?Como pode ser ousado dessa forma?perguntou a si mesmo.
Ela por sua vez sentiu seu coração bater de forma descompassada, devia ser emoção, claro; era emoção .Afinal Johnny Deep estava ali em sua frente.
(Lara)_Posso ajudá-lo em alguma coisa?Disse de forma insegura.
Deep)__Talvez, quem sabe se pode começar não quebrando mais nada! r.s
Meio Tímida, ela não resistiu e também riu da resposta.
Deep)__Venha!vamos dar o fora daqui,vamos dar um passeio pelo jardim ?
(Lara)_O quê Sr. Deep? Então ela a puxou pela mão e a conduziu.ignorando qualquer possível resposta de Lara pudesse dar.
Conversaram sobre os mais diversos assuntos, as diferenças entre seus mundo,dos seus sonhos ,sobre as crianças,sobre a vida.A impressão que sentiam era que se conheciam a muito tempo, a química entre o super star e a sua criada era evidente existia uma sintonia inexplicável.Então as visitas de Deep a ala 5 tornaram-se uma constante.Claro que Lara manteve sigilo desses passeios para evitar especulações dos outros criados que desconfiavam dos sumiços recorrentes de seu patrão .Lara agora até esperava por ele.

Passou-se alguns meses:

1º beijo em Deep 4ª parte.
Naquela manhã ele levantou disposto. Acordara sorrindo, hoje ele mesmo abriu sua janela dispensando a ajuda da criada. Ao notar aquela manhã linda, Lara chega a seus pensamentos, agora ele imaginava o seu despertar. Aquele corpo mal coberto talvez. Sentiu seu instinto de homem responder imediatamente aquele devaneio. Sacudiu a cabeça, tentando desviar aquele pensamento; era só uma nova amiga._Só mais uma amiga Mike repetiu a si mesmo
Avisou as crianças que iriam passar o fim de semana na ilha e mandou alguns empregados providenciarem os tramites para tanto. Lara ao saber disso não pode esconder certa angustia, pois sabia que sentiria saudades dele,depois se achou boba ,afinal quem era ela afinal para sentir qualquer coisa que fosse por Johnny Deep.Foi quando ouviu batidas na porta do se quarto ao abrir se surpreende ao ver Deep que estava especialmente lindo aquela manhã .embora simples apenas de jeans escuro e uma camiseta branca.
(Deep)-Porque não esta pronta?
(Lara)-Como assim?
(Deep)-Porque não esta pronta?
(Lara)-Pronta?Para que?
Deep)-Para ir comigo a ilha!
(Lara)-Eu fui escalada?Não me avisaram a tempo!
Deep Sorri, mordendo os lábio fazendo uma carinha muito sexy e diz:
(Deep)-Não você não foi “escalada” Você é minha convidada.Quero que acompanhe a mim e a meus filhos !Vai ser legal!!Vamos nos divertir muito!
Tudo que o luxo poderia proporcionar foi usufruído naquele fim de semana, brincadeiras, risadas.filmes,brinquedos,jantares.Lara nunca foi tão mimada em sua vida, a sua menor vontade Deep fazia questão que fosse atendida .Embora Lara não fosse acostumada com aquilo tudo ela não podia negar que apreciou muito .O lugar era realmente mágico.Na tarde daquele domingo. Deep e Lara aproveitaram para dar o ultimo passeio antes de retornarem a Los Angeles. A conversa se fez tão interessante que se distanciaram da sede. Foi quando um temporal se armou inesperadamente, o vento acentuara envergando as copas das árvores e rapidamente a chuva começou a cair. Sem dar tempo para que pudessem procurar um abrigo os dois então ficaram ali no meio de uma clareira. Em um gesto natural,Deep envolve a cintura de Lara e a puxa pra si a fim de protegê-la da fúria da água. Ela por sua vez encosta seu rosto no peito de molhado dele ficam assim por alguns instantes, porém seus corpos responderam imediatamente aquele toque tão intimo. Tão próximos assim, a respiração de ambos torna-e mais forte e com ritmo mais acelerado. E de repente à chuva virou apenas uma coadjuvante diante daquele momento Aquela febre os tragou de uma forma irresistível, as bocas se buscaram com ansiedade se encontrando apaixonadamente. Lara se entregou se perdeu naqueles braços e naqueles lábios. Com desejo avassalador se apodera de dele que desliza suas mãos de uma forma mais atrevida, explorando aquele corpo que o enlouquecia. Enquanto sua boca percorria o pescoço dela, Lara sentia-se perdida num mar de carícias, completamente entregue ao desejo. Ele por sua vez, ali naquele instante a queria mais do que tudo, queria satisfazer seus próprios apelos. Estavam tão envolvidos que mal escutaram um carro se aproximar prontamente para a socorrê-los do temporal.Se afastaram então assustados mas ainda com a respiração ofegante.Ambos tentaram disfarçar o que acabara de acontecer,porém as evidências manifestada no corpo dele era impossível passar despercebido.Mesmo assim os seguranças mantiveram a discrição porem um certo sorriso de malícia.continua..
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
 
Amor inesperado
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» COFFEE SHOP (PROCURA-SE O AMOR)
» SE USAR BIGODE NÃO PODE SER CRENTE DA DEUS É AMOR
» se não vierem por amor, virão pela dor"? você sabe quem pratica este ensino anti bíblico ?
» Funeral de Michael Landon - Muitas lembranças, homenagens e amor!
» [S. Valentim 2010] Fotos dos miminhos

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
deppspace :: Fanfics-
Ir para: